sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Teenager

O meu primeiro teenager! Cheira-me que vêm  aí  dias difíceis....
Se  calhar o bolo ficou um bocado infantil,  mas lá  porque  os M&M não  tiveram sucesso não  os ia deitar fora.
Parabéns   ao meu José!


sábado, 3 de setembro de 2016

Costurando

A Tina é uma  grande amiga da minha mãe. Um senhora com 84 anos, que  tem passado ultimamente  por alguns problemas graves de saúde, mas sem nunca perder a boa disposição  e alegria de viver. Pediu-me para lhe fazer um mala como as que costumo  fazer para a minha mãe. E eu fiz, com muito  gosto!

Experimentei um tipo de enchimento novo. Gostei  muito, dá  estrutura à  mala  sem ficar muito pesado ou  grosso, mas não  me lembro do nome :(


Agora só espero que a Tina fique melhor rapidamente!  Muito rapidamente!

sábado, 27 de agosto de 2016

Summer in the city

Saí  ainda antes das 8h para aproveitar o fresco. "E o que é  que se faz a essa hora?",  perguntam-me sempre. Faz-se tudo! Esta  é   a cidade que  nunca  dorme. Às  8h até  já  há  bastantes lojas abertas. Mas pode-se passear, simplesmente. É  esse um dos grandes atractivos de cidades como Nova York quanto a mim. 

Como não tinha nada especial planeado foi  o que fiz. Desci pelo "Fashion District",  hoje um  bocadinho  de olhos no chão, para ir lendo as homenagens aos grandes estilistas. Fui até  ao "High Line" que percorri  até  ao bairro de Chelsea. Aí  bisbilhotei umas lojitas e voltei tranquilamente  para o fresco do hotel. Fui parando em mais lojas, sobretudo para refrescar. O Joe Coker e o Tom Waits acompanharam-me ..."Hot town..." a música não  me saía  da cabeça.



segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Rio 2016

Os primeiros  Jogos Olímpicos  na América  do Sul e estão a  decorrer  bastante melhor do que se esperava. Depois  da abertura apoteótica, que deixou os mais cépticos rendidos,  os eventos aparentemente estão a decorrer com normalidade. O aparato policial  um pouco constrangedor  é  um mal necessário e percebemos alguma desorganização, sobretudo em termos de trânsito. Mas no geral o que sobressai  é  um clima de grande entusiasmo. O Rio  é por estes dias uma cidade particularmente interessante onde por todo o lado se vêm adeptos do desporto, vindos do mundo inteiro, que vibram com  os sucessos, os recordes  e o espectáculo  que cada modalidade oferece.
Exemplo disdo foi o episódio de que ontem ao jantar também  fiz parte, num restaurante cheio de ecrãs  que transmitiam as várias  modalidades que iam decorrendo  nos estádios. Foi espontânea  e inesquecível  a reacção  dos comensais  à  prova da final dos 100m masculinos, quando o favorito, o jamaicano Bolt,  se aproximava da meta em primeiro lugar.  Os gritos de incentivo e os aplausos  como  se no restaurante fossemos todos jamaicanos. Ou os cumprimentos ao  vizinho  da mesa ao lado, quando  percebemos que é inglês  e que o seu compatriota acabou  de  ganhar o ouro em ténis . O espírito  olímpico, a celebração  da superação no desporto   é de facto contagiante.
Eu não  cheguei a ir a nenhum estádio, mas  tive o previlégio  de assistir em directo e ao vivo enquanto tomava o café  da manhã, à  maratona de natação  feminina. Nada mau.
E o Rio de Janeiro  continua lindo!

quinta-feira, 28 de julho de 2016

Sintra

Agora que já tomei o gosto tento variar os percursos nas minhas caminhadas.
Hoje, com o meu filho mais novo,  aventurei-me na serra de Sintra. Fizemos  a volta do duche, e subimos a rua das padarias até  ao largo do Victor. Daí  fomos até  à  vila Sassetti, onde percorremos os  jardins até  ao castelo dos Mouros.  Gostámos  tanto do passeio que combinámos voltar para a semana.
Moramos numa vila tão  bonita que  é uma  pena  a correria do dia a dia não nos permitir aproveitá-la melhor.
Vamos  tentando.

quarta-feira, 20 de julho de 2016

Recife

Num dia de chuva fomos passear  pelo Recife  velho.
Começámos  na Casa da Cultura, uma antiga prisão  transformada em centro de artesanato, em que cada cela é  uma lojinha. Vale a pena sobretudo  pelo edifício que é  interessante,  e se quisermos  de facto  comprar artesanato, a escolha  é  enorme.


Ao lado  fica a antiga estação  ferroviária ,  já  desactivada.


Antes da chuva começar  a cair à  séria ainda conseguimos dar uma espreitadela a mercado municipal e a uma  igreja de cujo nome me esqueci ...